Sábado, 19 Abril 2014 - 16:34

Operação Tarja Preta: Justiça prorroga prisão temporária de investigados

Escrito por  Publicado em Politica Sexta, 18 Outubro 2013 22:13

Justiça mantem prefeitos presos

Em decisão proferida no final da tarde hoje (18/10), o desembargador Edison Miguel da Silva Jr., do Tribunal de Justiça de Goiás, acolhendo pedido feito pelo Ministério Público de Goiás, prorrogou por mais cinco dias as prisões temporárias de 26 pessoas detidas em função das investigações da Operação Tarja Preta, deflagrada na última terça-feira (15/10). Do total de 37 presos inicialmente, 11 já foram soltos a pedido do próprio MP. O prazo das temporárias venceria neste sábado.

 

A operação 

Na ação conjunta de terça-feira, foram cumpridos 37 mandados de prisão temporária, 28 de condução coercitiva e 48 de busca e apreensão. O cumprimento das decisões judiciais mobilizou a Procuradoria-Geral de Justiça, a Procuradoria de Justiça Especializada na Promoção de Ação Penal contra Prefeito Municipal, o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e o Centro de Segurança Institucional e Inteligência (CSI) do MP-GO, além do Gaeco do MP mato-grossense e as Polícias Militares de Goiás e de Mato Grosso. Ao todo, estiveram envolvidos na operação 70 promotores de Justiça, que atuaram de forma integrada nos municípios onde foram cumpridos os mandados e onde houve tomada de depoimentos. Deram apoio à ofensiva 386 policiais militares.

 

Iniciada há cerca de um ano, a investigação do MP-GO apurou irregularidades em licitações e em contratos para fornecimento de remédios e materiais hospitalares envolvendo 19 municípios: Aloândia, Aragarças, Araguapaz, Carmo do Rio Verde, Corumbaíba, Cromínia, Goianira, Inaciolândia, Israelândia, Indiara, Luziânia, Matrinchã, Mozarlândia, Perolândia, Piranhas, Pires do Rio, Rialma, Rianápolis e Uruana. Entre os detidos na operação, estavam 11 prefeitos, 1 ex-prefeito, secretários municipais e outros agentes públicos.

 

Os indícios apurados até agora apontam para a prática de pelo menos nove crimes: 

a) formação de quadrilha ou organização criminosa (penas que variam de 1 a 3 anos ou 3 a 8 anos de prisão); 

b) formação de cartel (2 a 5 anos); 

c) peculato (2 a 12 anos); 

d) corrupção ativa (2 a 12 anos) e passiva (2 a 12 anos); 

e) indevida dispensa e inexigibilidade de licitação (3 a 5 anos); 

f) fraude à licitação (2 a 4 anos); 

g) delito de ordenar despesas em desacordo com as norma financeiras (3 meses a 3 anos);

h) falsificação de documentos públicos e privados (2 a 6 anos); 

i) lavagem de dinheiro (3 a 10 anos). 

 

As penas para os crimes podem chegar a 59 anos de prisão.

 

Fonte MPE-GO

 

Últimas Notícias

Goiás esta pronto para pegar o Flamengo

Meia Carlos Alberto, com suspeita de dengue, esta...

Confiante, Atlético pega o BOA na abertura da Série B

Dragão chega embalado com a conquista do título...

Série B: Vila Nova joga mal e só empata com...

Na próxima rodada, Vila pega o Náutico, fora...

Definidas novas metas para redução da criminalidade no estado

Definidas novas metas para redução da criminalidade no estado

Reunião realizada na quinta-feira, dia 17, tratou das...

Proteção aos superendividados pode virar lei

Proteção aos superendividados pode virar lei

A preocupação com o superendividamento dos brasileiros pode...

Caldas Novas recebe reforço no policiamento durante o feriado da Semana Santa

Caldas Novas recebe reforço no policiamento durante o feriado da...

A Polícia Militar do Estado de Goiás apresentou...

Com dois contundidos, Goiás pode apresentar mudanças contra o Flamengo

Estreia no Brasileirão acontece neste domingo em Brasília...

Depois de dois anos, Vila Nova reestreia nesta sexta - feira na Série B

Depois de dois anos, Vila Nova reestreia nesta sexta -...

Apenas um jogador rebaixado no Goianão será titular...

Polícia: atacante do Atlético para na delegacia

Polícia: atacante do Atlético para na delegacia

Mesmo assim, jogador esta na delegação do Atlético...

Atlético embarca definido para Varginha

Martelotte faz três mudanças no time

Com um prata da casa, Vila esta pronto para a estreia

Com um prata da casa, Vila esta pronto para a...

Ingressos para o jogo contra o Luverdense já...

«
»

Facebook

Copyright © 2013 :: Notícias de Goiás ::. Todos os direitos reservados.